Método de criação de personagens da Square

dezembro 9, 2008 at 12:21 pm 7 comentários

por maxi

Para todos aqueles que sempre quiseram entender como funciona a criação dos personagens “tão carismáticos” que a Square adotou já a algum tempo, segue abaixo a fórmula que ela utiliza. Os créditos vão para o checkyourhud.com, que foi onde criaram esse tutorial.

Anúncios

Entry filed under: É Arte!. Tags: , , .

Primoroso trabalho humano! Bob o Gênio e Mega Man trocam golpes em Tatsunoko vs Capcom

7 Comentários Add your own

  • 1. Intentor  |  dezembro 9, 2008 às 12:44 pm

    Só tenho de concordar PLENAMENTE…

    Mas é coisa de japa, né? Há uma certa preferência por seres andróginos. Talvez porque eles mesmos se pareçam demais entre si…

    Responder
  • 2. Moh  |  dezembro 9, 2008 às 6:16 pm

    O blog ta com caspa.

    Responder
  • 3. Lonios  |  dezembro 10, 2008 às 9:17 am

    Male villian – (penis optional)
    Huahuahauahauhauahuahauhaua!

    É coisa de japa mesmo! :P

    Responder
  • 4. Rafael "Barry" Ventura  |  dezembro 10, 2008 às 12:43 pm

    Pior que todas as fabricantes de RPGs japonesas estão nessa há tempos.

    Responder
  • 5. Hodr  |  dezembro 10, 2008 às 10:03 pm

    Sensacional esse esquema. O pior é que, mesmo jogando, eu sinto aquela pitada de enganação no que insistentemente tento entender como criatividade. Mas essa questão ligada à androgeneidade (se é que essa palavra existe), me parece estar muito mais ligada a própria construção/assimilação da sexualidade hoje em dia do que sei lá. Prefiro acreditar que é muito mais uma tentativa de subverter estereotipações, embora essa própria tentativa esteja se tornando uma, de tão saturado que estão os jogos com esses personagens às pencas.

    Ah, Barry, também não todas, né :) ; digo isso pensando na Atlus. Tá certo, os jogos têm saído com aquele design “jovem”, mas, não sei, ainda vejo algum diferencial. Seja o próprio tamanho da empresa e a falta de orçamento pra fazer algo grandioso ou sei lá o que, mas anda me parece que tentam fugir dessa fórmula mais do que saturada. Até aí, é uma empresa entre várias (isso supondo que eu tenha convencido com os meus argumentos cretinos), mas, enfim, falo isso mais por chatice mesmo.

    Responder
  • 6. maxi2099  |  dezembro 10, 2008 às 10:38 pm

    Também acho que Persona foge desse padrão.

    Responder
  • 7. Rafael "Barry" Ventura  |  dezembro 11, 2008 às 12:54 pm

    Eu não acho. Os personagens principais são andrógenos também, e mantém aquele estilo “estudante japonês revoltadinho”, que também é tão cliché quanto.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


warpfeed

WarpStats

  • 561,062 hits

Warptwitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: