Final Fantasy IV: The After Years ganha site e se revela… multiplayer?

abril 30, 2009 at 4:30 pm 5 comentários

Por Barry Burton

Desde que Hironobu Sakaguchi se separou de seu xodó, Final Fantasy, mais ou menos entre o sétimo e oitavo capítulo – parcialmente por quase ter levado a Square a falência por conta do fracasso comercial do filme Final Fantasy: Spirits Within, que custou cerca de 120 milhões de dólares à empresa, obrigando-a a vender parte de suas ações à Sony e posteriormente se unir à Enix para segurar as pontas – a série nunca mais foi a mesma.

Seja por conta de sua direção de arte agora liderada por Tetsuya Nomura, o radical oposto de Yoshitaka Amano, seja por terem repensado totalmente desde a temática medieval até o sistema de batalha em turnos, fato é que várias coisas que nunca haviam acontecido a tradição da franquia vêm acontecendo com frequência, como continuações diretas dos capítulos – Final Fantasy X-2 e Final Fantasy XII: Ravenant Wings – e até mesmo jogos de luta a lá Smash Bros., como bem demonstra Final Fantasy Dissidia.

Não que esteja dizendo que isso seja bom ou ruim, afinal a série continua mantendo seu altíssimo padrão de qualidade e ditando tendências para todas as outras produtoras de RPG – até mesmo para seu criador, Sakaguchi, quem, afinal de contas, não conseguiu segurar bem as pontas com seus novos jogos Blue Dragon, Lost Odyssey e Arcaic Sealed Heart.

Mas fato é que, antigamente, uma continuação da aventura de Cecil e Rosa em Final Fantasy IV seria altamente improvável. Muito menos quando o novo protagonista é o filho destes, Ceodore. Menos ainda sendo lançado em capítulos exclusivamente para o Wiiware. E… multiplayer?!

Pois é, a menos que os webdesigners tenham cometido algum vacilo na hora de escrever a ficha do jogo no site oficial, que você pode conferir aqui, o jogo foi feito para até 4 jogadores silmutâneos! Confiram a foto abaixo:

Notícia original: siliconera.

Anúncios

Entry filed under: Previews, RPG. Tags: , , , .

WarpReviews: Drill Dozer Anunciado: remake de Teenage Mutant Ninja Turtles: Turtles In Time para XBLA

5 Comentários Add your own

  • 1. Phoenix  |  abril 30, 2009 às 7:10 pm

    Sabe aquelas histórias que não deveriam ser continuadas porque já conseguiu chegar em níveis insuperáveis, cujo qualquer adição estragaria…
    Bom, eu creio que está era uma ótima oportunidade para a Square NÃO MEXER no FF4, cujo já ganhou remake e kilos de dinheiro para a produtora. Não quero ver uns estagiários estragando um dos meus jogos favoritos.
    Estou rezando para pelo menos ser mais ou menos…

    Responder
  • 2. Lonios  |  maio 1, 2009 às 1:50 am

    Acho que eles deveriam parar de fazer continuações de FFs…
    FFX-2 é lixo total e Revenant Wings…poderia ser melhor! :P

    Tipo…não to criticando apenas por criticar mas essas continuações de FF tem jeito de serem caça-niqueis total…o que é uma pena já que os jogos originais são excelentes! U.U

    Responder
  • 3. Kaka  |  maio 1, 2009 às 5:15 am

    De fato, é raro uma continuação que não estrague aquela história tão boa do primeiro jogo. Mas, ao mesmo tempo, é raro um fã que não queira mais do seu jogo favorito. Isso me faz lembrar do que senti com Starcraft e sua expansão: ao mesmo tempo que eu adorei ter novas fases/ unidades and stuff pra jogar, como fangirl do Tassadar, eu ODIEI a continuação da história ter feito todo sacrifício dele ter sido em vão.
    Mas é como diz o povo da teoria literária: uma obra, depois de publicada, deixa de ser propriedade apenas do seu autor. Em outras palavras, o fã tem licença poética pra negar o “canon”. E é o que eu faço com relação à continuação da história de Starcraft e às outras continuações que não me agradaram. Não há nada mais que eu possa fazer, certo? Maybe escrever uma fanfic…

    Responder
  • 4. Rafael "Barry" Ventura  |  maio 1, 2009 às 4:13 pm

    Pois é, Kaka, eu fiz isso com Matrix 2 e 3, Exterminador do Futuro 3 e série, entre outras coisas… pra mim, não existem.

    E Lonios, ao contrário de muitos, a primeira impressão que tive de FFX-2 foi muito boa. Apesar do excesso de açúcar, achei o sistema de batalhas muito legal. Já o FFXII RW achei bem chato, não consegui jogar nenhuma missão… =]

    Responder
  • 5. Diego  |  maio 5, 2009 às 1:07 am

    Esse “Multiplayer” pode ser somente nos combates, como acontece com algumas versões antigas onde cada jogador podia controlar um ou mais personagens (algo que tenho de dizer, ficaria ótimo no sistema do FFXII, mas é terrível nas batalhas por turno).

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


warpfeed

WarpStats

  • 561,175 hits

Warptwitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: