WarpReviews: Thexder Neo

outubro 18, 2009 at 4:43 pm 1 comentário

por Dr. Venom

Pessoal, estamos disponibilizando o review de Thexder Neo feito pelo Dr. Venom/Jet, vulgo “o cara que comprou um PC Engine no encontro MSXRio 2009 matando a todos de inveja“. Ele o publicou originalmente na comunidade Jogos de Nave e a pedido meu nos cedeu o mesmo para a Warpzona também. Fiquem com a análise a seguir.


Finalmente tenho em mãos mais um jogo da série Thexder. E desta vez é Thexder Neo, um senhor remake para o PSP.

Lançado em 1985 pela Game Arts (é o primeiro jogo da empresa, que ficou conhecida pelas séries de RPG Lunar e Grandia, do jogo de plataforma Alisia Dragoon e do outro shmup da empresa Silpheed) Thexder é um jogo único, pois mistura shmup com jogo de plataforma.

Foi lançado primeiro para o micro PC88, mas acabou sendo portado para diversar plataformas como PC98, PCAT, MSX, NES, Amiga e Apple II. Em 1989 teve a excelente continuação Fire Hawk – Thexder Second Contact, lançado para MSX2, PC98 e PCAT.

Ambas as duas versões no ocidente foram distribuídas pela Sierra que teve a (pessima) idéia de comprar os direitos e ela mesma fazer um jogo da série. Saiu Thexder 95, para PC um dos jogos do lançamento do Windows 95. O jogo era uma bomba e ao contrário dos outros dois foi um fracasso.

E agora em 2009, a Square Enix (atual dona da Game Arts e de suas franquias) resolve lançar o remake Thexder Neo para aproveitar o lançamento do PSP Go. A empresa Zereo foi responsável pela produção do remake.

No comando de Thexder, uma nave que tem a capacidade de se transformar em mecha (robô), você deve penetrar um asteroide gigantesco que está rumando para a Terra. Dentro desse asteroide, existe uma enorme base alienigena. Seu objetivo é destruir as instalações por dentro, acabando com seu centro de comando e parando a ameaça alienígena.

Os gráficos são muito bons. Apesar da jogabilidade 2D, o jogo é feito de polígonos, porém com muitos detalhes. É legal ver que agora a forma mecha de sua nave realmente tem partes similares a forma nave (quem já viu Macross, sabe do que estou
falando). O andar mais pesado do mecha ficou muito legal e não atrapalha em nada a jogabilidade. Os cenários são muito bem trabalhados, com cidades subterrâneas e fabricas futuristas. Os inimigos, apesar de serem exatamente os mesmo tem muitos detalhes e movimentação bem fluída.

O jogo tem o mesmo level designer do antigo, então para mim, foi uma viagem no tempo, lembrando de praticamente quase todos os caminhos e itens escondidos. A jogabilidade tem dois modos. O Neo e o Classic. No Neo você usa mais botões disponíveis, além do botão de tiro e escudo, temos agora um botão para pular e outro para se transformar. Além do botão R que funciona como ajuste de direção. Já o Classic era como no antigo, um botão de tiro e um de escudo e só. Para pular era o direcional para cima e se transformar o direcional para baixo. O laser na forma mecha é multi-direcional e rastrea e destroi todos os inimigos em seu raio de ação. Já na forma nave, ele apesar se limita a atirar para frente. Todo disparo de laser consome energia, então pense duas vezes para não atirar a esmo! O escudo protege por um tempo e também consume energia da sua nave/mecha. Mas é bem melhor ter uma proteção em horas com hordas de inimigos te atacando em lugare estreitos que você não pode se esquivar deles.

Logo de cara temos a música classica de Thexder arranjada na abertura e que também é tocada nas primeiras duas fases. Depois vem outras composições muito boas, algumas lembrando vagamente temas de Fire Hawk, com misturas de musica instrumental e tecno, combinando bem com o ritmo de jogo.

O jogo tem 10 fases e dois níveis de dificuldade. No easy você pode continuar da fase que morreu, já no normal, se morrer, já era! (o original era assim!) :P

Enfim, Thexder Neo é uma grata surpresa a quem gostava do antigo classico, um jogo da série PSP Mini (jogos com menos de 100mb e distribuição apenas por download). Super recomendado para quem quer experimentar um shmup diferente.

Anúncios

Entry filed under: Warp Reviews.

Confirmados: Joe e Zero em Tatsunoko vs Capcom Sabiam que Zelda Ocarina of Time aceita 3 telas ao mesmo tempo?

1 Comentário Add your own

  • 1. Ryunoken  |  outubro 19, 2009 às 12:38 pm

    Parabéns pelo review, Dr. Venom. Eu não sei se joguei o Thexder no MSX ou no PC, só sei que gostava muito de joga-lo, mesmo não chegando tão longe no jogo. Vou ver se pego esse aí pra dar uma olhada.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


warpfeed

WarpStats

  • 562,212 hits

Warptwitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: