Level Up! Gamer pobre + Console travado = Jogos melhor aproveitados

fevereiro 5, 2010 at 7:22 pm 7 comentários

Level Up! é a seção do WarpZona onde temos a colaboração de nossos leitores, que passam a redatores. Hoje,  Wagner Eamnuel está de volta com uma equação que deve ser  bem comum a todos os gamers menos abonados… Lembrando que qualquer leitor pode participar dessa seção: basta enviar um texto através dos comentários ou diretamente para warpzona@gmail.com

Por Wagner Emanuel

A equação do título apareceu na minha cabeça algum tempo atrás, quando vi que tinha passado mais de 60 horas jogando o mesmo jogo (Blue Dragon), coisa que ainda não havia acontecido, senão nos tempos de SNES quando tínhamos muito tempo disponível, mas acabou me escapando (o assunto) da memória. Esses dias, vi que estava com mais de 30 horas no modo multiplayer do CoD4: Modern Warfare (o 1º mesmo… aliás quem quiser dar uns headshots é só me adicionar na live (WagninhoEmanuel), afinal, apesar de estar no nível 48/55 continuo sendo um noob).

Mas como cheguei nessa equação? Primeiro, no Brasil, queiramos nós ou não, a pirataria rola solta. Segundo, há um número muito grande de gamers que não tem condições de ter um Xbox 360 ou um PS3, e mesmo entre aqueles que têm condições alguns ainda preferem usar destravados. Dentre esses que não tem condições, a saída acaba sendo adquirir um PS2 destravado, que como todos sabemos é a coisa mais fácil de achar. Não estou fazendo apologia, incentivando ou justificando a pirataria, apenas apresentando o que acontece na realidade.

Até um tempo atrás eu era um desses jogadores com um PS2 destravado. Felizmente, não passei muito tempo com ele. Acho que apenas 6 meses. Nesse intervalo cheguei a ter 30 jogos. Se olharmos direito não são tantos jogos assim, mas se considerarmos que eu trabalhava, fazia faculdade, participava de alguns grupos que tomavam um tempo considerável do meu tempo livre, veremos que quase não sobrava tempo para jogar, e isso se refletia no quanto eu aproveitava os jogos.

Tem mais depois do salto:

Dos 30 jogos, creio que só zerei uns 6. E entenda como zerar chegar ao final do modo história, uma única vez, no modo mais fácil. Segredos, baús, finais alternativos, níveis de dificuldade mais altos, nada disso foi sequer cogitado. Os outros jogos devem ter passado na bandeja uma ou duas vezes. Depois daqueles 6 meses vendi o PS2, dei o valor de entrada e comprei o Xbox 360 Kit Nacional. Travado. Junto com ele vieram Kameo, PGR3 e Perfect Dark Zero. Pouco tempo depois, Gears of War. 4 jogos, no intervalo dos mesmos 6 meses.

A diferença? Jogos melhor aproveitados. É aí que entra o “pobre” da equação. Como não dava (e continua não dando) para comprar um jogo novo toda semana/mês, não havia aquele ímpeto para jogar os outros jogos que estavam parados, e mesmo com pouco tempo disponível, pude aproveitar melhor cada pedacinho do jogo, experimentar os outros modos de jogo, com outros personagens, procurar os segredos das fases, zerar GoW na dificuldade Insane, terminar a campanha de PGR3 em três níveis diferentes. Só Perfect Dark Zero é que não tive mais saco para jogar novamente. Hoje tenho cerca de 20 jogos. Todos foram zerados em pelo menos duas dificuldades (exceto um que emprestei e nunca mais vi). Alguns jogados ao limite da exaustão. Não consegui os 1000 pontos de conquista em nenhum, justificados por pura incompetência ou falta de tempo, mas para os últimos, já está reservado algum tempo no futuro para sanar essa dívida.

O problema é que não consigo parar de jogar o já citado multiplayer de CoD4. Comofas? Já se foram mais de 30 horas e ainda nem cheguei no nível 55. E ainda tem um monte de challenge pra completar. E quando chega no 55 abre o prestige mode no qual você pode começar do nível 1 novamente com novos emblemas, apenas por prestígio. Mas isso é assunto para um outro texto e eu já fugi do assunto faz tempo.

Enfim, a equação trouxe muito mais qualidade, diversão e amor pelos games, além do sentimento de dever cumprido após zerar o jogo naquele nível superdificílimo ou encontrar o 100º morango.

O texto se baseia apenas na minha experiência como jogador, então é provável que você tenha experiências diferentes e/ou divergentes das que apresentei aqui. Não se acanhe: use e abuse dos comentários abaixo, assim poderemos, todos, descobrir novas formas de aproveitar melhor os nossos jogos!

Anúncios

Entry filed under: Level Up!, Sério Agora....

Jabá Reverso Carpado Twist com limão Level Up’s Atrasados = Distribuição farta!

7 Comentários Add your own

  • 1. Orakio "O Gagá" Rob  |  fevereiro 5, 2010 às 7:49 pm

    De pleno acordo. Lembro de como curti o meu Street Fighter II, filho único de mãe solteira do meu Super Nintendo. Conhecia cada segredo do jogo, e nunca cansava.

    Com o Play1 foi uma enxurrada de jogos a dez reais… eu tinha um monte de RPGs, e obviamente não zerava nenhum :(

    Resposta
  • 2. Fabricio K.  |  fevereiro 7, 2010 às 1:11 am

    Jogos no brasil são os olhos da fuça!
    E não é a-toa ,o brasil é um dos países que mais pagam imposto!

    Eu vou pagar mais de DUZENTOS reais pra comprar um ssbb (mesmo que valha a pena) se eu posso comprar um pirata por vinte?!

    Eu já até perdi a conta dos raros piratas que eu já comprei pros meus emuladores de GC e PSX.

    Resposta
  • 3. macarena  |  fevereiro 8, 2010 às 6:24 pm

    Aposto que a industria de jogos não se importa muito com essa equação, afinal não haveria um marketing tão agressivo se quiserem vender 4 jogos por ano para cada dono de console…

    Resposta
  • 4. Mestre Ryu Kanzuki  |  fevereiro 14, 2010 às 10:35 pm

    Se eu disser que não tive mais nenhum videogame desde o Dreamcast, cês não vão acreditar. huahua! Mas é sim, eu não tive mais nenhum.

    Comprei o Dreamcast porque eu queria um videogame que substituisse o Mega Drive, que eu tinha desde 92, e que fosse de mídia CD – com os gráfios em 3D e etc. E hoje eu não comprei outro porque estava achando os jogos muito parecidos, Playstation 2 em diante. Antes do Dream, minha meta era ter comprado um Sega CD ou um Playstation 1. Bem, eu estava querendo pelo menos me “atualizar” da qualidade dos cartuchos.

    Mas eu acredito na teoria que: quem não se atualiza muito, aproveita melhor os jogos e o sistema que tem. Eu mesmo não joguei todos os jogos do Dreamcast e não terminei a maioria, terminei alguns conhecidos e tenho jogado mais os de gênero luta. E continuo seguindo pra completar minha coleção. Já o mega Drive, foram vários jogos terminados e que eu conheço.

    Resposta
    • 5. Orakio "O Gagá" Rob  |  fevereiro 15, 2010 às 9:50 am

      “Mas eu acredito na teoria que: quem não se atualiza muito, aproveita melhor os jogos e o sistema que tem.”

      Com certeza. Não dá para jogar todos os bons jogos de um console se você migrar para outro. Não vê o caso da minha “cruzada Master System”? Se eu estivesse jogando consoles novos, nunca teria tempo de voltar ao velho Master para conhecer um monte de clássicos perdidos.

      E eu ainda tenho meu DC guardado aqui no armário… também foi meu último console. E na minha humilde opinião, foi o melhor de todos.

      Resposta
      • 6. maxi2099  |  fevereiro 15, 2010 às 2:01 pm

        Pois é, meus consoles principais ainda hoje são os da Sega pelos mesmos motivos. Pra quê eu vou aposentar algo que ainda me diverte?
        Quando eu quiser me atualizar, meu PC turbinado está aqui para me dar algum suporte.

  • 7. maryane  |  dezembro 4, 2011 às 11:30 am

    que que seguinifica console travado

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


warpfeed

WarpStats

  • 558,753 hits

Warptwitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: